JOSÉ PEDRO VIANNA FALA SOBRE AS EMOÇÕES COMO FATOR POSITIVO PARA A VIDA

Quinta, 15 Abril 2021

JOSÉ PEDRO VIANNA FALA SOBRE AS EMOÇÕES COMO FATOR POSITIVO PARA A VIDA

Clube da Pedrinha do RS realizou seu Encontro Mensal na noite de segunda-feira (12) no canal da entidade no Youtube. "As Emoções a seu Favor" foi o tema da live que teve como convidado especial o especialista em biopsicologia, yoga e meditação, idealizador da Escola das Emoções e facilitador de vivências de autoconhecimento e expansão da consciência, José Pedro Vianna Zereu. O encontro virtual foi mediado pela presidente da Entidade, Suellen Farias.

O convidado iniciou sua participação argumentando que a formação de base da maioria das pessoas não contempla a educação emocional, o que faz com que os adultos fujam e reprimam suas emoções ou não saibam identificar qual o sentimento existente, diante de dilemas e situações problemáticas, conflituosas. Na avaliação de José Pedro a ditadura da felicidade também é algo prejudicial, pois não permite que o ser humano demonstre sensações de infelicidade: “nas redes sociais todo mundo aparece sorrindo e demonstrando felicidade. Portanto, quem não está feliz pode sentir sensações de desconforto e frustração em relação ao mundo. E isso é muito desgastante para todos nós”.

Facilitador de vivências de autoconhecimento e expansão da consciência, José Pedro falou em ressignificação das emoções, lembrando histórias de pessoas que apresentavam uma vida turbulenta, difícil e que gerava nelas sofrimento, mas que se transformaram e passaram a ter outra compreensão da vida: “acho importante não colocarmos rótulos em nós mesmos e nas emoções”. Diante dessa questão, Suellen perguntou ao convidado se ela é tímida ou se apenas estava apresentando características de timidez. “Tu não é tímida e existiram momentos em que você foi acolhida de forma que não apresentou nenhuma timidez”, respondeu José Pedro.

O palestrante explanou sobre a função das emoções na vida das pessoas, para que ocorra a compreensão de como os aspectos emocionais podem servir de apoio no processo de vida de cada um. O especialista falou sobre os efeitos mentais e físicos da repressão das emoções, as formas de passar por elas ao invés de escondê-las. Ele enfatizou o quanto é importante escutar as emoções: “muitas vezes a sociedade nos faz negligenciar o sentimento, pois vivemos numa dinâmica social baseada no fazer e no ter. Isso nos prejudica muito em médio e longo prazo. A repressão dos aspectos emocionais pode ter como conseqüência o aparecimento de doenças psicossomáticas”.

Ao responder o questionamento sobre o que são as emoções e para que servem, José Pedro disse que sob o ponto de vista energético, emoções são ondas, freqüências que se movimentam emanando uma energia: “elas são mensageiras de necessidades, servem como alerta até mesmo para que possamos sobreviver. Elas nos enviam informações e a informação não é certa e nem é errada, depende de como você irá receber a informação. A morte de um ente querido pode ser triste, mas também pode ser um alívio devido ao sofrimento a que estava passando quem faleceu”.

José Pedro ainda disse que a proposta não é ter o controle absoluto das emoções, pois o controlar pressupõe o ato de repreender. “A proposta é que possamos perceber todas nossas emoções e lidar com elas de forma proveitosa. Quanto mais nos conhecermos, mais entenderemos a mensagem que está por trás da emoção. Qual é a função do medo? Muitas vezes é proteção”, respondeu o convidado que ainda falou sobre outro sentimento muito comum, a tristeza. Durante todo evento virtual, o palestrante respondeu a diversas perguntas feitas pelo chat.

No final da live José Pedro conduziu uma meditação de dois minutos, que teve a participação virtual da mediadora do encontro, Suellen Farias, e de vários internautas que acompanhavam a atividade.

MATRIZ - PORTO ALEGRE
Rua Padre Chagas, 66 | sala 208 | CEP 90570-080
F: (51) 3346-6888 | (51) 3346-2988 | (51) 99869-1659
FILIAL - FLORIANÓPOLIS/SC
Av. Hercílio Luz, 639 | Cj 1104 - Sala 02 | CEP 88020-000
F: (48) 98419-2510 | (48) 98501-0310